Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Maionese…

Sinceramente, não sei porque é que ainda teimava em comprar quando em apenas 2 minutinhos a podia fazer em casa!
É daquelas coisas que não vos consigo explicar…mas ontem tudo mudou, felizmente!
Perto da hora do jantar, as minhas filhas pedem que faça uma salada fria…ora, salada fria pede maionese. Abro o frigorífico e…Ups!
“-Meninas, não tenho maionese!”
”- Ó Mãeeeee, tens uma Bimby! Por favor! Faz maionese…”
Como dia a outra: “Minhas ricas filhas (LOL), está bem, vamos lá experimentar!”
Então, querem aprender como que num passe de mágica, a misturar Ovo + Óleo e Azeite e obter uma deliciosa, cremosa e irresistível MAIONESE CASEIRA, igualzinha àquela famosa do mercado?
Asseguro que é muito mais económica e ainda vai valorizar mais o vosso prato! Para além disso, o que é feito por nós é sempre muito melhor!
Existem várias receitas de maionese, mas os ingredientes básicos da maionese são ovo, óleo alimentar, limão ou vinagre, sal e é sempre preparada a frio.
A receita que segui, leva o ovo inteiro o que a torna mais leve e também mais volumosa.
2015-04-01 19.55.16
Ingredientes:
100g óleo de girassol
70g azeite
1 ovo que deve estar à temperatura ambiente
sal e pimenta preta q.b.
1c. sopa de sumo de limão (ou vinagre)
Preparação:
1. Pesar o óleo e o azeite. Reservar.
2. No copo da Bimby, colocar o ovo inteiro, uma pitada de sal e pimenta preta e o sumo de limão.
Programar 10Seg./Vel.5
2015-04-01 19.43.25 2015-04-01 19.46.13
3. Colocar a Bimby em funcionamento na Vel.5, mas sem tempo programado.
Com o copo medida inserido, verter a mistura do óleo e azeite sobre a tampa, para que este entre no copo devagar.
2015-04-01 19.48.54 2015-04-01 19.50.08
E em menos de 2 minutos, obtive uma maionese caseira, cremosa, saborosa, deliciosa e volumosa.
Viver com uma Bimby em casa é sinónimo de poupança!
Dica:
Ideal para saladas, sandes, sanduíches, acompanhamentos, molhos…
Importante:
A maionese caseira tem uma durabilidade inferior à de compra, depois de feita, deve ser consumida até um período máximo de três dias, sempre conservada no frigorífico num frasco de vidro previamente esterilizado.

Sem comentários:

Enviar um comentário